Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Cidades

Governador anuncia multa e até prisão para quem desobedecer o isolamento social no Amazonas

Governador anuncia multa e até prisão para quem desobedecer o isolamento social no Amazonas
Foto: Divulgação

O governador Wilson Lima informou durante coletiva online na tarde deste sábado (4) que, a pessoa que for flagrada desobedecendo a ordem de isolamento social, pode ser multado ou até preso.

Wilson afirmou que o isolamento social é uma medida recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde com o objetivo de combater e prevenir a propagação do coronavírus (Covid-19).

Recentemente ele assinou um decreto suspendendo as aulas da rede estadual de saúde e fechando comércios considerados não-essenciais, mas segundo ele, muitas pessoas não respeitam a decisão do isolamento.

“Estamos tomando atitudes mais rígidas e mais drásticas. Hoje estive reunido com a equipe de segurança pública e vamos colocar nas ruas toda nossa força de segurança, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Fundação de Vigilância em Saúde e Procon para multar quem desrespeitar o que estabelece decreto, e punir, seja levando para a delegacia ou para a prisão com o intuito de evitar novos casos de covid-19”, disse.

Combate a fake news

O governador afirmou que a população deve estar atenta no combate às fake news, de acordo com ele, muitas pessoas estão aproveitando a oportunidade para se promover espalhando mentiras ou espalhar pânico. Wilson fez um alerta sobre o caso.

“Isso atrapalha o trabalho dos profissionais na luta contra o covid-19, peço que as pessoas procurem os canais do Governo do Estado, estamos trabalhando de forma transparente, não repasse fake news. Aquilo que não tiver assinatura da Susam, da FVS ou da imprensa séria, desconfie da informação e não repasse à frente”, explicou.

Dados

Segundo boletim divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), o Amazonas possui 311 casos confirmados de coronavírus, sendo 283 são em Manaus e 28 no interior, confirmado em municípios como Parintins, Boca do Acre, Itacoatiara, Manacapuru, Novo Airão, Careiro da Várzea, Anori e Santo Antônio do Içá.

A FVS também confirmou 12 óbitos em decorrência do coronavírus, nove em Manaus e dois no interior (um em Parintins e dois em Manacapuru), com pacientes da faixa etária de 40 a 89 anos.

Notícias Relacionadas