Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Cidades

Rodoviários decidem por greve em Manaus na próxima sexta-feira (24)

Após uma assembleia da categoria realizada na sede do Sindicato, os rodoviários decidiram por uma paralisação na próxima sexta-feira (24)

Rodoviários decidem por greve em Manaus na próxima sexta-feira (24)
Foto: Arquivo

Manaus / AM - Motoristas e cobradores do transporte coletivo de Manaus, decidiram realiza uma greve para a próxima sexta-(24), durante uma assembleia geral realizada na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Manaus (STTRM), localizada no bairro Nossa Senhora das Graças, na zona Centro-sul de Manaus na tarde desta segunda-feira (20). 

Participaram da reunião representantes das nove empresas de transporte coletivo que atuam na cidade. A categoria reivindica a permanência do quadro atual dos cobradores do transporte público e protestam contra a diminuição de salário. 

Segundo o diretor de comunicação social do STTRM, Gabriel Guimarães, a aprovação da paralisação será divulgada em edital publico e deve ser encaminhada para o Ministério Público do Trabalho no Amazonas (MPT-AM), que deve negociar com o Sindicato das Empresas (Sinetram). 

"Será exposto a decisão da categoria na reunião de negociação. Esperamos que o Sinetram faça uma proposta descente ou vamos seguir com a nossa decisão e parar cem por cento da frota", disse Guimarães. 

O Sindicato dos Rodoviários informou ao Portal Em Tempo que as empresas de transporte público têm o interesse de implantar  um sistema em que não haja necessidade da atividade dos cobradores nos ônibus, como já funciona em outras capitais do Brasil.

Empresas

Por meio de nota, o Sinetram informa que está agendada, para terça-feira (21), às 9h30, uma reunião com o STTRM, no MPT-AM, para tratar das reivindicações da categoria. A instituição informa ainda, que não foi encaminhada proposta referente à retirada de cobradores, bem como suspensão de intervalos.

Em relação à greve, até o momento o Sinetram não foi notificado sobre o assunto.

Com informações de Portal Em Tempo

Notícias Relacionadas