Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Curiosidades

Drenagem Linfática Emagrece? Verdades e Mitos sobre o tratamento

Muitas pessoas buscam tratamentos estéticos, como a drenagem linfática, com o objetivo de emagrecer. Mas será que esses tratamentos realmente têm esse efeito?

Drenagem Linfática Emagrece? Verdades e Mitos sobre o tratamento
Foto: Ilustrativa

A drenagem linfática é indicada para a eliminação de líquidos e toxinas acumuladas, levando a diminuição de medidas do corpo, porém não ocorre a eliminação de gorduras, o sistema linfático e os rins não tem capacidade de filtrar gordura. Quando você ouvir que ocorrera a eliminação de gordura com a drenagem linfática esta informação não é válida.

Drenagem linfática é uma massagem que tem por objetivo estimular o sistema linfático, o sistema linfático é um sistema que transporta líquidos vitais por todo o corpo, esse liquido e chamado de “linfa”. A linfa é um líquido incolor e viscoso com composição bastante semelhante à do plasma sanguíneo. É formada por água, eletrólitos e proteínas que escapam do sangue pelos capilares. É considerada por diversos autores como um dos líquidos mais nobres do organismo, representando aproximadamente 15% do peso corporal.

Mitos e Verdades

Drenagem emagrece?

Mito. Esse tipo de massagem, ajuda, na verdade na eliminação de líquidos retidos e na liberação de toxinas, não havendo perda de gordura.

Quem tem problema venoso não pode fazer?

Verdade. Quem tem trombose, por exemplo, não deve realizar o procedimento. Mas é indicado sempre consultar um médico antes de qualquer decisão.

Beber água antes da drenagem potencializa os efeitos da massagem?

Verdade. Antes e depois da massagem, a água ajuda a melhorar a retenção de líquido e eliminar toxinas. É mito achar que quem sofre com inchaço não deve beber ingerir tanta água. Água é importante sempre, independente da condição.

Se a drenagem for bem-feita, imediatamente após o procedimento você vai ao banheiro urinar?

Mito. Depende da quantidade de água que a pessoa retém, portanto, isso não é regra.

Grávidas não podem fazer drenagem?

Mito. Elas podem e devem, sim, fazer o procedimento, uma vez que na gravidez a mulher retém muito líquido, principalmente nos últimos três meses.

Drenagem precisa ser feita com creme ou óleo?

Mito. O uso de creme ou óleo vão depender do profissional ou do método utilizado, não sendo uma obrigação.

Drenagem com aparelho é melhor que drenagem manual?

Mito. As suas têm bons resultados, pois ativam a circulação sanguínea, melhorando a oxigenação dos tecidos, mas a manual é a mais recomendada.

Drenagem malfeita pode dar íngua?

Mito. A íngua só aparece por causa de processos inflamatórios ou infecciosos nos gânglios, não tendo nada a ver com um procedimento anterior.

Drenagem ajuda a melhorar sintomas de TPM?

Verdade. Sim! Drenagem pode fazer milagres para a tensão pré-menstrual.

RESULTADO

•    Desintoxica o organismo

•    Elimina líquidos acumulados no organismo

•    Ativa o sistema imunológico

•    Atua como analgésico

•    Alivia hematomas e inchaços após cirurgia plástica

•    Relaxamento muscular e corporal

•    Diminuição da celulite

A drenagem linfática não produz emagrecimento, mas, ao melhorar a condição do edema existente no indivíduo, trazendo melhora na retenção de líquido pré-existente, passará essa impressão, pois há uma aparência de menor inchaço.

O principal benefício da drenagem linfática é a retenção de liquido, melhor ativação da circulação sanguínea e um bom relaxamento corporal.

A velocidade com que o sistema linfático transporta a linfa é muito lenta, nosso corpo transporta de 2 a 3 litros de linfa por dia. Por isso a drenagem linfática deve ser executada de forma lenta e suave respeitando a fisiologia do organismo.

O corpo por si só já faz a evacuação do liquido, automaticamente já faz a drenagem linfática, a massagem é somente para acelerar esse processo.

Notícias Relacionadas