Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

Cinco homens são presos com 1,7 tonelada de skunk em embarcação

Cinco homens são presos com 1,7 tonelada de skunk em embarcação
Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Amazonas, por meio do Departamento de Narcóticos (Denarc) e do Grupo Especial de Resgate e Assalto (FERA), prendeu na manhã desta sexta-feira (8) cinco homens com 1,7 tonelada de maconha tipo skunk escondida em uma embarcação. A ação ocorreu próximo à orla do município de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus).

2759

Foram presos Alex de Oliveira Jean, 39, Edson Luiz Viana Fernandes, 39, Elson Rodrigues Mota, 39, Fábio de Lima Souza, 34, e Raimundo Nonato Abreu Ramos, 48.

2760

De acordo com o delegado Paulo Mavignier, titular do Denarc, as investigações iniciaram há 30 dias com base de informações de que o grupo criminoso vinha transportando a droga do município de Maraã.

“Essa embarcação foi interceptada e na revista foi encontrado a droga debaixo de uma freezer no porão do rebocador, além de uma arma de fogo calibre .40, encontrada na cabine do comandante. Temos cinco presos e no decorrer do inquérito vamos aprofundar a responsabilidade penal de cada um. Essa ação trouxe um grande prejuízo para organização criminosa, que era responsável por essa droga e com certeza essa droga seria para Manaus e para o Nordeste”, informou.

O delegado disse, ainda, que o entorpecente está avaliado em R$ 7 milhões e veio da Colômbia. Os homens presos são envolvidos na logística do entorpecente. “As investigações continuam para chegarmos nos donos dessa droga e também no grupo criminoso que iria receber esse entorpecente”, afirmou Mavignier.

2761

A embarcação foi abordada em movimento e contou com a atuação tática do grupo Fera. Conforme o delegado Juan Valério, foi realizada campana durante a noite e madrugada para identificar a embarcação. “Conseguimos fazer a abordagem de maneira bem furtiva, bem célere, não tiveram tempo de reagir e isso vai ajudar nas investigações do Denarc, pois eles não conseguiram se desfazer de nada”, comentou.

Alex, Edson, Elson, Fábio e Raimundo foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ao término dos procedimentos no Denarc, todos os infratores foram levados para a DIP de Manacapuru, que funciona como unidade prisional naquele município.

Notícias Relacionadas