Menina de três anos é morta a tiros pelo padrasto em Manaus

347

Uma criança de três anos de idade, identificada como sendo Yasmin Vitória da Rocha, morreu nesta segunda-feira (20) após ser baleada com dois disparos de arma de fogo pelo corpo dados pelo padrasto. O crime ocorreu em uma chácara localizada no bairro do Tarumã, zona Oeste da capital amazonense.

De acordo com informações preliminares a o padrasto da criança identificado como Roberto Siqueira, de 19 anos, estaria manuseando uma espingarda que disparou em Yasmin.

O avô da vítima ligou para a emergência que encaminhou a menina para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do bairro Campos Sales.

Após dar entrada a unidade e receber os primeiros socorros, a criança foi transferida para o Hospital e Pronto Socorro da criança, no bairro da Compensa, zona Oeste de Manaus, e infelizmente não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.

O padrasto, principal suspeito de atirar na criança foi preso em flagrante e foi encontram para a Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca), e posteriormente seguiu para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Roberto alega ter sido um tiro acidental, mas a DEHS que investiga o caso, deve esclarecer os reais motivos da morte da pequena Yasmin de três anos.

O corpo da menina foi encaminhado para a sede do Instituto Médico Legal (IML), onde ficará a disposição de familiares.