‘Piratas dos rios’ são mortos e tem os corpos queimados por populares em Japurá

Populares revoltados atearam fogo em dois homens suspeitos de serem piratas de rio morreram na tarde desta quarta-feira (6), no município de Japurá, interior do Amazonas.

De acordo com informações de moradores da cidade, um trio foi visto abastecendo um barco, e foram reconhecidos como responsáveis por diversos assaltos a embarcações.

Revoltada, a população começou a persegui-los. Um dos suspeitos logo morreu afogado tentando fugir, os outros dois foram capturados e espancados na orla da cidade; um deles acabou não resistindo as pancadas e morreu em via pública, tendo o corpo queimado ali mesmo.

O terceiro suspeito foi levado para a delegacia, que foi depredada pela população, que pedia que pedia que o preso fosse fosse linchado na frente da unidade.

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), decidiu enviar um reforço policial para a região, nesta quinta-feira (7), para garantir a ordem na cidade.

Em nota, a SSP-AM afirma que uma tropa com policiais militares e civis de Manaus será enviada para Japurá nesta quinta-feira (7) e que vai ajudar nas investigações sobre o caso e na identificação dos envolvidos.

Para evitar novos tumultos, a segurança na delegacia e nas ruas de Japurá será reforçada com a chegada da tropa de apoio.