Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

PM deflagra Operação Saturação para combate à criminalidade no Parque Riachuelo

PM deflagra Operação Saturação para combate à criminalidade no Parque Riachuelo
Foto: Divulgação

A Polícia Militar está em operação no Parque Riachuelo 1 e 2, além do Conjunto Cidadão 10, na zona oeste de Manaus. Denominada de “Saturação”, a operação policial começou na noite desta quinta-feira (4) e não tem data para se encerrar, segundo o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte.

2115

O Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) em conjunto com o Comando de Policiamento de Área (CPA) da zona oeste, com policiais militares da Força Tática e da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), estão atuando na área. O objetivo da operação é combater a criminalidade na zona Oeste da capital, especialmente no Parque Riachuelo 1 e 2, além do Conjunto Cidadão 10.

2116

De acordo com o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte, a Operação Saturação receberá o apoio dos policiais envolvidos na Operação Águia – realizada pela na capital para reprimir e flagrantear crimes como furtos e roubos.

“Deflagramos a Operação e ela terá o subsídio da Operação Águia que contará com apoio do Comando de Policiamento Especializado (CPE), especialmente a Rocam, que estará na área durante todo o final de semana. Não teremos hora para finalizar as ações. Estaremos na área para que a população possa andar tranquilamente nas ruas”, disse o comandante.

2117

Denúncias - Durante a Operação estão sendo realizadas barreiras itinerantes, abordagens de pedestres e veículos e policiamento ostensivo em becos e vielas para combater à criminalidade e aumentar a sensação de segurança da população.

2118

O comandante-geral pediu a colaboração da população para denunciar possíveis infratores. “Vamos ocupar a área e todas as denúncias são bem vindas, seja pelo 190 ou o 181, disque denúncia da Secretaria de Segurança Pública. Denuncie e confie que a Polícia Militar está nas ruas para proteger o cidadão”, disse.

Notícias Relacionadas