Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

Polícia Civil prende jovem pelo homicídio de mulher grávida que ocorreu em 2018

Polícia Civil prende jovem pelo homicídio de mulher grávida que ocorreu em 2018
Foto: Divulgação

Policiais Civis do 19° Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob a coordenação do delegado Aldeney Goes, titular da unidade policial, cumpriram na manhã desta terça-feira (12), por volta das 7h, mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado em nome de Raimundo Nonato Souza da Silva, de 24 anos.

O crime aconteceu no dia 14 de janeiro de 2018 e, a vítima Ana Cristina da Silva Costa, tinha 27 anos. A prisão do infrator ocorreu no beco Boa Sorte, terceira etapa do bairro Alvorada, zona Centro-oeste da capital.

De acordo com o delegado Aldeney, durante as investigações, a equipe constatou o envolvimento de Raimundo no delito, além da irmã dele, Selma Souza da Silva, que está respondendo pelo crime em liberdade, com o uso de tornozeleira eletrônica. A ação criminosa, também, contou com a participação de Mário Maquiné Alves, que já está preso, e Jorge Luiz Gonzaga que está sendo procurado pela equipe policial.

Segundo o delegado, durante a ação criminosa, a vítima, que estava grávida, foi morta a pauladas, facadas e, posteriormente, esquartejada. Partes do corpo dela foram colocadas em sacolas plásticas e deixadas em um beco situado na rua Abílio Alencar, do bairro e zona mencionados.

O delito teria sido motivado por suspeitas de que Ana estaria passando informações sobre o ponto de comercialização de drogas do qual, Raimundo era filiado.

 “Localizamos Raimundo por meio de denúncia anônima. Montamos campana e passamos a seguir o jovem com o intuito de descobrir onde era a residência dele. Após nós tomarmos conhecimento do local, realizamos a abordagem e em seguida cumprimos o mandado,” informou Goes.

Ainda segundo o titular do 19º DIP, o mandado em nome do jovem foi expedido no dia 26 de março deste ano, pela juíza Eline Paixão e Silva Gurgel do Amaral Pinto do Juízo de Direito da 1ª Vara do Tribunal do Júri.

Procedimentos - Raimundo Nonato foi indiciado por homicídio qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis ele será encaminhado a audiência de custodia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona Sul de Manaus.

Notícias Relacionadas