Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

Polícia cumpre mandado de prisão de três indivíduos que roubaram residência na capital

Polícia cumpre mandado de prisão de três indivíduos que roubaram residência na capital
Foto: Divulgação

Na manhã desta quarta-feira (20), por volta das 6h, policiais civis da 5ª Seccional Centro-Sul e do 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando da delegada-geral Emília Ferraz e coordenação dos delegados Déborah Barreiros e Mauro Soares, titulares das respectivas unidades policiais, cumpriram mandado de prisão preventiva em nome de Alan Pinheiro de Souza, 27, Lindonei Crispim dos Santos, 22 e Glauciane Lima Aguiar, 21, por roubo majorado. Eles roubaram uma residência e subtraíram um carro, um aparelho de televisão, aparelhos celulares, além de R$ 800 em espécie.

De acordo com a delegada Déborah Barreiras, as prisões ocorreram nas ruas Natividade e Olinda, ambas no bairro Redenção, zona Centro-oeste da capital. O crime aconteceu no dia três de março, em uma casa no bairro Novo Mundo, zona Norte de Manaus. Na ocasião, a vítima registrou o Boletim de Ocorrência (BO) e informou que cinco indivíduos não identificados tinham invadido a residência e roubado bens da família.

“Ao tomar conhecimento do caso, a equipe do 12° DIP entrou em contato conosco para verificarmos as informações. Após investigações utilizando câmeras da vizinhança, conseguimos traçar o percurso feito pelos criminosos e assim chegar ao local onde abandonaram o carro da vítima. Verificamos, ainda, que os infratores usaram outro veículo para sair de lá. Identificamos o proprietário e conseguimos chegar a três autores do roubo. Com base nas investigações, representei a Justiça o pedido de prisão em nome deles. O mandado foi expedido, no dia 18 deste mês, pela juíza Lina Marie Cabral, da Central de Inquéritos e na manhã desta quarta, logramos êxito em capturar os infratores”, declarou Déborah Barreiras, titular da 5ª Seccional Centro-sul.

Procedimentos – Alan, Lindonei e Glauciane foram indiciados por roubo majorado. Ao término dos trâmites cabíveis no DIP, eles serão encaminhados para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde passarão por audiência de custódia por videoconferência.

Notícias Relacionadas