Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

Polícia prende bando envolvido em homicídio tentado no bairro Lírio do Vale

O bando foi preso por homicídio tentado em janeiro desse ano no bairro do Lírio do Vale na zona Oeste da capital amazonense

Polícia prende bando envolvido em homicídio tentado no bairro Lírio do Vale
Foto: Divulgação

A equipe de investigação do 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado Aldeney Goes, titular da unidade policial, cumpriu, nesta sexta-feira (14), por volta das 6h, mandado de prisão temporária, com prazo de 30 dias, em nome de Eliaquim Vieira Batalha, 29; Erilane Ramos de Oliveira, 35; Gabrielly Farias de Melo, 21, e o irmão de Eliaquim, Samuel Vieira Batalha, 22, envolvidos em caso de tentativa de homicídio que teve como vítima um jovem de 21 anos. O crime aconteceu em maio deste ano.

De acordo com a autoridade policial, a equipe do 19º DIP iniciou as diligências em torno do caso após tomar conhecimento da ocorrência. Segundo Goes, o delito aconteceu no dia 29 de maio deste ano, na rua 20 de Janeiro, bairro Lírio do Vale, zona Oeste da capital. Na ocasião, o grupo se aproximou da vítima e efetuou diversos disparos de arma de fogo na direção do jovem. A vítima permanece internada em uma unidade hospitalar na capital.

“Ao longo das diligências, identificamos que o crime foi motivado pela disputa de territórios relacionada ao tráfico de drogas na capital. Apuramos o caso e conseguimos identificar todos os envolvidos na ação criminosa. A partir disso, requisitei à Justiça o pedido de prisão temporária, com prazo de 30 dias, em nome deles. A ordem judicial foi expedida no dia 10 de junho deste ano, pelo juiz Alcides Carvalho Vieira Filho, no Plantão Criminal”, explicou Goes.

O titular do 19° DIP destacou que os infratores foram presos em locais distintos do bairro Lírio do Vale. “Outros elementos envolvidos no crime estão sendo procurados.

2042

São eles: Anderson Barbosa Felipe, Carlos Anderson Menezes Cavalcante, Jhonathan de Souza Ribeiro, Ramon Pereira dos Santos e Robert Douglas da Silva e Silva. Já temos mandado de prisão para os cinco indivíduos”, relatou.

Eliaquim, Erilane, Gabrielly e Samuel foram indiciados por homicídio tentado. Será solicitada a conversão do mandado de prisão temporária para preventiva. Em seguida, Eliaquim e Samuel deverão ser encaminhados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM). Já Erilane e Gabrielly serão levadas ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), onde irão permanecer à disposição da Justiça.

Notícias Relacionadas