Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

Polícia prende dupla com 40 quilos de skunk em embarcação vinda de Maraã

Polícia prende dupla com 40 quilos de skunk em embarcação vinda de Maraã
Foto: Divulgação

O delegado Sinval Barroso, diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), falou na manhã desta quarta-feira (14), durante coletiva de imprensa realizada às 11h, no prédio da Delegacia Geral, sobre ação policial deflagrada na tarde de terça-feira (13), por volta de meio-dia, em conjunto com policiais civis da Delegacia Fluvial (Deflu) e agentes da Receita Federal. A ação resultou nas prisões de Elimar Ramos da Rocha, de 43 anos, e Everaldo Pinto da Silva, de 47 anos, e a apreensão de 40 quilos de maconha do tipo skunk.

2396

De acordo com a autoridade policial, a equipe do DRCO recebeu delações anônimas por meio do número 181, o disque-denúncia da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), informando que uma embarcação vinda de Maraã, município distante 634 quilômetros em linha reta da capital, estaria transportando substâncias ilícitas para a capital.

“Após tomar conhecimento da informação, nós nos deslocamos até a frente do Porto de Manaus, situada no bairro Centro, zona Sul da cidade, onde, juntamente com a equipe da Deflu, realizamos a abordagem à embarcação. Com apoio do cão farejador Odin, da Receita Federal, o material entorpecente foi encontrado dentro da estrutura do barco. Elimar e Everaldo, tripulantes da embarcação, que estavam responsáveis pelo traslado dos entorpecentes, receberam voz de prisão, imediatamente”, explicou.

O diretor do DRCO informou, ainda, que o material apreendido está avaliado em R$ 200 mil e que as investigações em torno do caso irão continuar para identificar quem seria o receptador das substâncias entorpecentes. “Temos dado foco, juntamente com outras unidades policiais, no combate ao tráfico de drogas, seguindo a determinação do titular da SSP-AM, coronel Louismar Bonates. Essa é mais uma ação exitosa da Polícia Civil do Amazonas”, disse.

Procedimentos – Elimar e Everaldo foram conduzidos à base do DRCO, onde foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis, a dupla será levada para audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona Sul da capital.

Notícias Relacionadas