Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Polícia

Presa mulher que matou jovem em briga na zona Sul de Manaus

Presa mulher que matou jovem em briga na zona Sul de Manaus
Foto: Divulgação
Manaus / AM - Milane Moraes dos Santos, de 20 anos, foi presa na tarde de terça-feira (13), na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), após comparecer espontaneamente acompanhada de um advogado. A jovem é suspeita de matar Francisca Amorim Queiroz, de 19 anos, durante uma briga em via pública, no bairro Colônia Oliveira Machado, zona Sul da capital amazonense.

De acordo com com informações da Polícia Civil, Francisca morreu no dia do seu aniversário após uma briga com a Milane, em frente a um salão de beleza no bairro. Toda a briga foi registrada em vídeo, gravado do celular de populares que passavam pelo local.

Durante a coletiva de apresentação de Milane, suspeita disse que não tinha a intenção de matar a vítima, mas que as duas já trocavam ofensas pelas redes sociais.

A suspeita conversou com a imprensa e confessou o crime, mas disse que apenas queria das uma surra na rival porque Francisca teria ameaçado a mãe da suspeita.

“Ela insultava a minha mãe. Minha intenção não era matar ela, até porque se eu quisesse fazer isso teria ido com uma faca ou uma arma. Assim como ela morreu poderia ter sido eu”, disse.

A suspeita contou que decidiu bater em Francisca porque ela supostamente implicava com sua mãe. “Ela tacava pedra no carro da minha mãe, fazia sinal de chifre. No dia do crime, passei por lá, ela ficou mexendo comigo de dentro do salão. Quem estava lá viu que ela ficava rebolando pra mim. Eu falei pra ela ir lá fora para a gente brigar, mas ela foi lá na porta e disse que assim que terminasse a sobrancelha ia sair pra gente brigar”, contou.

No dia do crime, Francisca teria postado nas redes sociais que estava se arrumando para seu aniversário, foi quando Milane foi até o local tomar satisfação com a vitima.

“Elas estavam se ameaçando, porque segundo a Milane, a vítima estaria ameaçado a mãe dela e isso causou raiva nela. Ela disse que foi encontrar a vítima para tomar satisfação e que não tinha intenção de matar, apenas dar uma surra na vítima. A vítima teria postado nas redes sociais o salão de beleza onde estava e ela foi até lá, onde tudo aconteceu”, informou o delegado.

Milane foi indiciada por homicídio e deve ser encaminhada ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF) onde vai ficar à disposição da Justiça.

Familiares de Francisca estavam presentes na Delegacia onde pediam justiça pela morte da jovem.

Notícias Relacionadas