Seu Navegador não suporta scripts.
Carregando

Política

Mães denunciam maternidade Ana Braga por falta de médicos e enfermeiros

Mães denunciam maternidade Ana Braga por falta de médicos e enfermeiros
Foto: Divulgação

Manaus / AM - A recém-nascida Rayla Doval de Souza foi a óbito no último dia 12 as 22h30, na maternidade Ana Braga que não prestou assistência adequada por conta da falta de 100% do quadro de técnicos de enfermagem, segundo o boletim de ocorrência. A situação se agravou no final de semana em todas as maternidades e unidades de saúde, levando o juiz federal Ricardo de Sales determinar na noite de domingo (15) que o Governo do Estado restabeleça o mínimo de quadro de técnicos de enfermagem na maternidade Ana Braga e nas demais unidades de saúde. A decisão prevê pena de multa de R$ 1 milhão e de R$ 500 mil a Coppeam.

Indiferente a toda essa situação, o governador Wilson Lina cumpriu agenda em Parintins, na abertura da Feira Agropecuária e tocava tambor em apresentação dos bumbás Garantido e Caprichoso.

Juiz exige volta ao trabalho

O juiz Ricardo Sales atendeu ação impetrada pelo Conselho Regional de Enfermagem do Amazonas (Coren-Am) que denunciou a situação de abandono da maternidade Ana Braga e demais unidades de saúde que ficaram sem técnicos de saúde e, nos casos mais graves das UTIs, as próprias parturientes estavam cuidando de seus bebês. Vídeos e fotos viralizaram nas redes sociais mostrando os dramas das mães.

O juiz considerou que há um movimento paredista (grevista) de técnicos de enfermagem da Coopeam, que alegam estar quatro meses sem receber do Estado e que não tem mais dinheiro sequer do transporte para ir ao trabalho. O juiz determinou que os técnicos de enfermagem cooperados retornem imediatamente ao trabalho.

Pressionada, ainda na noite de sábado, a Secretaria de Saúde firmou acordo extrajudicial para pagar parte dos atrasados, mas não foi suficiente para restabelecer à normalidade nas maternidades e demais unidades de saúde. Acordos anteriores foram feitos e não chegaram a ser cumpridos.

Notícias Relacionadas